terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Para um 2010 nota 10!


É hora de começar a se despedir de 2009... Para muitos pode ter sido um ótimo ano, para outros nem tanto! E sempre terão as exceções que dirão: Ahhh sei lá... foi mais ou menos!

Para mim foi bom, apesar dos percalços e picardias do destino... Mas vamos olhar para o que há de positivo, não é? Eu concluí minha faculdade, fiz muitos amigos (infelizmente alguns inimigos também), conheci pessoas maravilhosas que, ficando ou não na minha vida, já se tornaram fios na teia da minha história...

Costumamos, em dezembro, fazer uma lista com todas as coisas que desejamos realizar no ano vindouro, mas às vezes essa lista fica jogada na gaveta e acabamos tendo um ano exatamente como o anterior, “vivendo” apenas mais 365 dias...

Sabemos que não é apenas uma data no calendário que vai mudar nossa vida, são nossas ATITUDES que farão - ou não - a diferença. Nunca teremos um Ano realmente NOVO se copiarmos os erros dos anos velhos...

Vamos então planejar para cumprir, sonhar para realizar, parar de procurar todas as respostas, de pensar tanto no futuro ou viver chorando pelo que passou... Vamos fazer a vida valer a pena AGORA! Lembrar dos nossos compromissos, mas sem se esquecer do que realmente importa, vamos cair, levantar, aprender e RECOMEÇAR quantas vezes for preciso.

2010 tá chegando aí, cheio de novidades! As coisas podem ser mais simples e MELHORES do que parecem, mesmo que imperfeitas. Podemos levar “portadas” na cara e não conseguirmos ter uma vida igual a dos comerciais de margarina, mas é PROIBIDO DESISTIR de tentar.

Não existem barreiras intransponíveis. ACREDITAR sempre em você! Pode ser a palavra-chave para abrir mais um ano maravilhoso em sua vida! E como costumo dizer, um 2010 LINDÃO pra vocês!


Para encerrar, uma receita de Ano Novo dada pelo poeta Carlos Drummond de Andrade:


"Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor de arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação como todo o tempo já vivido
(mal vivido ou talvez sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser,
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?).
Não precisa fazer lista de boas intenções

para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar de arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto da esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um ano-novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo de novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre!"


4 comentários:

Bruna disse...

Adorei o que vc escreveu, Kah! Temos que agir se quisermos mudar nosso destino! Desejo a vocÊ um 2010 com muita paz, luz, amor,sapude e dimdim!

Beijos!

Lê Stabiili disse...

Ohhhhh yes baby!!!
Ótimos dizeres ao 2010 querido que tanto esperei e ai está ele..rsrsrs!!!!

Bom, teoricamente conseguimos fazer um ano perfeito.. Vamos ver se vai funcionar na prática né??rsrsrsr...Eu espero que sim!!!!

Um excelente 2010 pra vc Karina... E dê uma passada lá no meu blog, tem coisa nova lá!!!

Abraçãoooo!!!!!

Raphael disse...

Excelente texto! E pra deixar mais lindo ainda, um poema de Drummond!

Um 2010 lindão pra você, Ká!



Raphael
www.desordempublica.com.br

golias40 disse...

Todo o trabalho é vazio a não ser que haja amor.

Você escreve e fotografa com Amor.
Perfeito.
Everton