sábado, 6 de novembro de 2010

O silêncio...


Por que cobram tantas palavras, a todo instante? Falar muito deveria ser uma regra? Há quem fale muito para que o silêncio não revele o essencial.

É que silêncios são confissões: às vezes assustam. Dizem muito, revelam, machucam, desesperam. Apenas alguns aliviam. Silêncio é palavra não dita. Mas inegável: mais fácil arrepender-se de uma palavra que de um silêncio. E contra esse fato não há argumentos – nem mesmo palavras.

Acredito que o segredo da comunicação está, antes de tudo, em saber ouvir: ideias, valores, anseios, desejos.

Palavras são promessas nem sempre cumpridas. Atos são mais sinceros, revelam o que o coração não diz.

É no silêncio que ouvimos nosso interior, ao mesmo tempo em que voltamos nossos olhos ao outro e os tiramos do nosso egoísmo.

O silêncio nos leva a flutuar entre melodias, ouvir estrelas, contemplar verdadeiramente o belo. Enxergar o mundo. Nego o desestimo as palavras, mas em momentos em que os olhos são capazes de falar, elas tornam-se desnecessárias.

Às vezes, vale uma velha frase: "Ao dizer alguma coisa, cuide para que suas palavras não sejam piores que o seu silêncio."


14 comentários:

Rodrigo Santos disse...

O valor do silêncio é inestimável mesmo... do melhor ao pior, ele expressa tudo. Saber usar palavras é importante, mas o silêncio poucas pessoas sabem usar; poucas pessoas o suportam! Talvez porque, como você bem disse, ele nos deixa mais atentos aos outros e a nós mesmos. Na vida agitada e barulhenta de hoje em dia, com o mp3 player como aliado presente, o silêncio fica cada vez mais raro. Ouve-se menos, seja o que vem de dentro ou de fora, uma pena! Lindo texto, e belíssima escolha da versão da música ao final dele! Beijão!!! =*****

Nikolas disse...

É Kah... O silêncio quase sempre pode dizer muito! E como diziam também: "O silêncio pode unir todas as pessoas num só pensamento"... Lacuna Coil pra fechar a postagem, show de bola!... Vc sempre manda super bem! Valeu o tempinho de espera! ;) Tudo de bom! Sucesso sempre! Beijão!!

Mario disse...

Bela postagem... gostei da frase final, sobre o peso das palavras.

Refletindo sobre.
Beijos

Simone disse...

Oi Katheryna...
Estou encantada com seu blog.
Sempre objetiva pontual.
Não sei usar o silêncio...sempre tagarela sempre com algo no ouvido como disse o Rodrigo...sempre em agitação-turbulação.
Mas de repende me deu vontade d silenciar...é estranho no primeiro momento...mas dá um encontro maior,ouvir e depois responder...não já pensar no que devo mencionar quando o outro parar de falar!!
Pessoa Linda vc...com mt a somatizar!
Positividade.=D

yumi disse...

Sempre fui uma pessoa lacônica e ao contrário do que vc disse sempre me arrependo fácil de não ter falado... e sofro.
Quase sempre as pessoas não notam a minha presença e tentam impor seus gostos.Quem fala demais sofre mais quem fala de menos sofre mais ainda.

Simone disse...

Seria mais fácil se tivesse um Manual a seguir...
Parece que tudo é errado...acho que estou cansada...
Não penso em morrer...mas nem sempre quero viver!

Karam Valdo disse...

Seu texto me fez lembrar da origem do "OM", vc conhece?
Na verdade, quando você
pronuncia de forma correta o OM vira "AUM", que é uma palavra que contém todos os sons vocálicos básicos. Todas as palavras são fragmentos dele, nos mostrando que tudo é fragmento de uma Forma superior original. Segundo a cultura hindu.
Lá na Índia, o AUM é chamado a “sílaba de quatro elementos”. AUM são três sons, o quarto elemento é o silêncio de onde brota o AUM e onde acaba o AUM, onde ele retorna.
O silêncio então é a resposta para as perguntas, de onde viemos? e para onde vamos?

obrigado pelo texto!
Karam - www.inspirefundo.posterous.com

Paulo Fodra disse...

Simplesmente a música perfeita pra dizer o que mil palavras não chegam nem a sombrear.

Beijos

Humberto Dib disse...

Oi, entrei no seu blogue por acaso, achei muito legal mesmo, não queria sair sem comentar, parabéns!
Aproveito a oportunidade para convidá-lo ao meu que é de literatura.
Um abraço desde Argentina.
Humberto.

www.humbertodib.blogspot.com

BrilhosGifs.com disse...

Olá! Gostei muito do Seu Blog! Parabéns!
Já estou lhe seguindo, e aproveitando para divulgar
os meus sites...
Abraços!
Siga-me,
Tem sorteio de Natal por lá!
http://www.martas-bgfs.com
http://www.brilhosgifs.com

Elaine Castro. disse...

Olá,
Eu sou uma pessoa que voloriza muito as palavras, principalmente quando bem empregada, contudo, amo o silêncio!!! Ele é necessário para a reflexão, duas pessoas que se sentem a vontade, muitas vezes não precisam de palavras para externar qualquer sentimento, e o silêncio não é um incômodo.
Gostei do seu espaço e vou segui-la.
Abração.

Isac Carvalho disse...

O silêncio diz tudo!

The Morning Star disse...

É... como diz a música, "Try as I may, I coul never explain what I hear when you don't say a thing"...

Srta. Karina =) Estou colocando seu blog (por achá-lo muito bom) na lista de "Blogs recomendados do meu próprio blog (http://elfmetal.blogspot.com/).

Bjao!

Pedro André Ludwig disse...

silêncio e sossego é uma das coisas que mais aprecio ...